31 de dezembro de 2015

Feliz ano novo!

Como é de costume compartilho com vocês o meu jogo do I Ching para o ano de 2016. Com o I Ching podemos interpretar processos pessoais e tendências de fluxos energéticos de aprendizagem que estão presentes em um determinado período e nos beneficiarmos de algumas lições.

Mas antes de falar de 2016 precisamos voltar a 2015 e deixa-lo ir se esgotando. Como acontece em todos os movimentos energéticos, esta energia não se cessa num estalar de “dedos”,  mas gradualmente. Neste ano indo até março.

Pois ainda dá tempo de olhar e refletir. Em 2015 a ordem foi de reforma intima, a partir das pequenas dificuldades enfrentadas o discípulo se reformulou e pode mudar de postura.  Foi um ano de pequenos movimentos, regido pela lentidão da força yin. Na astrologia chinesa a Cabra falou do reconhecimento da responsabilidade sobre os problemas e prejuízos, de humildade, mas isto esteve muito sutil e só o observador atento pode se dar conta  e ai teve sucesso. A temática esteve voltado aos princípios.
 Foi preciso paciência com as paradas e lentidão de movimentos, com a  estagnação. E talvez até março ainda seja assim e ainda se posso tirar lições, portanto esteja atento a atitudes precipitadas! A humildade e o reconhecimento da sua parcela na dificuldades, ainda se pode voltar o olhar mais para sí e menos para o outro.

 E para trocar de ano e de influencias devemos pensar em valorizar as pequenas conquistas de 2015. Nada de muito grandioso foi conquistado e sim de força intima. E o discípulo pode crescer e ficar mais forte com um intimo revisado, sem necessidade de mostrar – sendo humilde.

Para 2016 haverá uma mudança na energia teremos um ano Yang – de força na ação. Teremos muito yang presente, ventos e trovões agitaram os dias de 2016 e a energia do Macaco (horóscopo chinês)  animará esta força e nos dando animação para um ano com muita chance de ser forte, intenso. As lições estarão nas situações mais externas – na observação do meio – e na capacidade de definir caminhos “corretos” e persistir com determinação. O perigo? Se perder no supérfluo.

A imagem do Hexagrama 32 – A perseverança  aconselha o sujeito a ter um fim em vista e a manter-se estável neste fim, podendo mudar de caminhos, mas não de fins. E se as condições externas forem difíceis e surgirem bloqueios é preciso ser forte como o trovão e  persistente como o vento trocando a forma e a conduta, mas mantendo a determinação.      

 O Hexagrama do ano de 2016.


Heng – Perseverança (continuidade)
Indica progresso bem sucedido e nenhum erro (no que ele dá a conhecer). Mas a vantagem virá de ser firme e correto. O movimento em qualquer direção será vantajoso.

Simboliza longa continuidade. São o vento e o trovão em mutua e firme comunicação; a força motriz e a docilidade na manutenção.

Indica progresso bem sucedido e nenhum erro, mas a vantagem virá de ser firme e correto. Isto afirma que deve haver longa continuidade em seu modo de ação. O sol e a lua realizados em si mesmos. 

As quatro estações, por suas mudanças e transformações, podem perpetuar a criação. Os sábios perseveram em seu modo de ação e tudo sob o firmamento é transformado e aperfeiçoado. O sujeito pode ser considerado perseverante em feitos convenientes como se dedicar a algo, se afastar de algo ou pessoa se aproximar, se inspirar em ações, se colocar em movimentos contínuos para sua existência...

O Horóscopo chinês do Macaco

O Macaco, o animal mais auspicioso do horóscopo chinês. Este ano pertence ao elemento Fogo, portanto, é o ano do Macaco de Fogo. 

O macaco é o nono signo na astrologia chinesa. Está associado a características como ambição, atividade, esperteza, malícia e aventura. Já o Macaco de Fogo soma a estas qualidades charme, agressividade, ímpeto, ambição, autocrítica e facilidade de reconhecer e acatar conselhos e ensinamentos que levarão ao sucesso. 

É um ano que pode trazer muito sucesso para seus empreendimentos e facilidade para resolução de antigos problemas. Mas, cuidado! Se você iniciar um novo projeto este ano, certifique-se de que está se associando aos parceiros corretos. O Macaco é impulsivo e pode se deixar levar pelas aparências. 

No trabalho, desde que você haja com prudência, foco e se cerque das pessoas certas, 2016 é um excelente ano para se conseguir reconhecimento e, consequentemente, ascensão.

Nos relacionamentos, o ano do Macaco de Fogo é um tempo em que os casais costumam questionar suas relações. Os que conseguem superar a crise geralmente tomam o caminho de quebrar a rotina. 

Será também o tempo perfeito para reconsiderar a organização de sua vida social. Tente se desconectar daqueles amigos mais amargos e ciumentos, que costumam te deixar pra baixo. 

2016 pode ser um ano de alegria, basta que você faça os movimentos "certos", com prudência mas com muito otimismo e confiança. E isso o Macaco nos traz de sobra!


Nenhum comentário:

Postar um comentário