24 de dezembro de 2014

Espírito Natalino


Hoje é dia 24 de dezembro uma das noites mais esperadas do ano,  pelo menos para as crianças que nos cercam. Elas esperam  um velhinho, gordo, de vermelho, barbudo e que dirige um trenó puxado por renas. Ele deve  entrar pela chaminé  e dar os melhores presentes do ano. Uma loucura se pensarmos que estamos no verão e que a maioria das nossas casas sequer tem chaminé. Sonhos que acompanham as nossas vidas...

Para nós adultos um sonho um tanto caro, não só pelo custo mas pelos dias que o antecedem. Na sua semana o comandante dos dias é o estresse, a agitação, muita euforia e tudo de difícil que acompanha estes estados.

Mas aqui estamos nós, preparando nossas casas para receber nossas famílias, pensando no presentinho que mais agradaria aquela sobrinha amada, no embrulho mais bonito para uma grande amiga, nos detalhes de decoração para o prato principal e em fantásticos acompanhamentos que incluem a melhor bebida do ano.

Tudo de bom! Principalmente na intenção de confraternização que acompanha esta noite. Poderíamos julgar este festejo? Sem dúvida que sim. Talvez para tentar transformá-lo em algo menos comercial, com um pouco mais de criatividade e menos custos. Eu mesma fiz com o meu filho uma árvore de Natal reciclada de tampinhas, não seria difícil de repensarmos as formas de presentear e também de viver estes últimos dias.

Contudo olhemos para o que está aí hoje, a promessa de uma noite onde a vontade é de confraternizar.  É incrível, mas a partir de certa hora do dia parece que todo o tumulto dos últimos dias se vai e as pessoas começam sentir um tipo de energia permeada de boas intenções e isso, que inicia em cada um de nós, passa  para o coletivo e em cadeia afeta a todos.

Do que se trata?  Do tão falado espirito do Natal!

Portanto, o meu desejo para vocês 
é que este espirito de amor possa afeta-los!

Que todos nós possamos experimentar uma noite de paz percebendo que este pode ser possível além da própria festa.
Que possamos nos contaminar por o espirito natalino de aceitação de diferenças, de gentilezas, de cuidado, de respeito, da vontade de dar o seu melhor e aceitar o melhor do outro. 
E que as dificuldades se diluam nessa energia!
Que Jesus esteja em nossos corações e 
siga presente durante o próximo ano!  

Ou que a força esteja conosco! Como diria um bom Mestre Jedai que não é cristão, mas é do bem.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário