29 de agosto de 2014

Mia Couto - palestra aberta neste sábado

A quem interessar deixo a dica. 

AULA MAGNA COM MIA COUTO – HOMENAGEM DO FRONTEIRAS DO PENSAMENTO AOS 80 ANOS DA UFRGS
DATAS: 1o de setembro às 10h
LOCAL: Salão de Atos da UFRGS (Av. Paulo Gama, 110 – Porto Alegre/RS).
ACESSO: entrada franca – conforme ordem de chegada e capacidade do local
INFORMAÇÕES: Departamento de Difusão Cultural da UFRGS – fone (51) 3308.3034
COLETIVA DE IMPRENSA: após o evento, às 11h45, na Sala 2 do Salão de Atos
CREDENCIAMENTO: Assessoria de Imprensa UFRGS – fone 3308.4008 ou email imprensa@ufrgs.br
           
António Emílio Leite Couto. Autor publicado e traduzido em 24 países e único escritor africano membro da Academia Brasileira de Letras...

...Especialista em Ecologia e professor da Universidade Eduardo Mondlane, Mia Couto dirige a empresa Impacto, que presta serviços de avaliação de impacto ambiental, sobretudo na gestão de zonas costeiras e na recolha de mitos, lendas e crenças que intervêm na gestão tradicional dos recursos naturais. Já a carreira como escritor iniciou mais cedo: aos quatorze anos já tinha alguns de seus poemas publicados no jornal Notícias da Beira. É pela poesia que Mia Couto ingressa na literatura, com a publicação de seu primeiro livro Raiz de Orvalho, em 1983. O segundo livro de poesias, Tradutor de Chuvas, só seria editado mais de duas décadas depois, em 2011, após ter se revelado também um romancista e contista premiado – sobretudo por seu estilo que revelou uma nova maneira de falar, ou de “faliventar” o português, já posto em seu primeiro romance Terra Sonâmbula, de 1992, em suas antologias de contos como Estórias abensonhadas, de 1994. Entre seus últimos livros publicados no Brasil pela Companhia das Letras, estão A confissão da Leoa, Cada homem é uma raça, A menina sem palavra, Vozes anoitecidas e Contos do nascer da Terra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário