23 de julho de 2013

Lembranças do frio


Ontem voltando do trabalho vi o frio nas ruas vazias de Porto Alegre e imediatamente me ocorreu que este pode ser uma delícia para quem tem conforto e bem difícil para quem não tem. Lembrei dos dias de frio da minha infância, em uma casa muito simples.

Eu sempre digo que o yin do frio estimula a introspecção e, agora com bom humor, me remeti  ao antigo chuveiro elétrico. Quem teve um chuveiro daqueles que quanto mais fechado mais quente ficava? Pois é, o da minha casa era um do tipo que o  banho era aos pingos e se o frio fosse muito  forte o jeito era recorrer a uma tecnologia de aquecimento na latinha. Nossa funcionava!

Lembrei também do longo trajeto até a escola as sete e trinta da manhã, pois naquela época as crianças iam andando para o colégio e eu nunca faltava,  adorava ir a aula. Mas nem tudo era tão ruim, agora escrevendo me vem água na boca com a lembrando das noites em que o jantar era pinhão – muito pinhão. Sem falar nas gemadas com leite quente, super eficientes e gostosas que a minha mãe levava para nós tomar na cama. E ninguém escovava os dentes depois, algo que me custou um pouco caro quando adulta.
  
São lembranças de invernos, umas muito boas e outras não. Mas eu sempre digo: a historia de alguém é o que faz este alguém ser a pessoa que é.  E quando esta história pode ser valorizada no seu todo muito aprendemos.
  
Tenha certeza, a sua história é o que da corpo a uma possível combinação especial que é você! Esquecer o que se foi, onde, como, os sentimentos nos distanciam de nós e do que de fato tem valor.  Por isso se você está ai agora lendo isso e se lembrando do bom e do ruim dos seus dias de frio seja grato e alegre-se, você está com você.

Por fim, ao entrar em casa ontem eu fiquei grata a la vida que me a dado tanto.  Havia fogo na lareira e uma sopa me esperando. Hoje ao sair do consultório devo passar em algum lugar para pegar pinhão, mas confesso que vou substituir a gemada por um tão mais cremoso chocolate quente, pois é bom saber mudar rsrsrsrs.

Curta o seu inverno do melhor jeito possível, pois este já faz parte. Gemada, pinhão, dormir de conchinha, reunir amigos, sopas, muita sopas de diferentes tipos, vinho tinto que delicia! E, é claro, não esqueça de passar adiante os agasalhos que estão em excesso, lá fora faz muito frio.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário